terça-feira, 30 de junho de 2009

Circuito Tela Verde em Medianeira/PR

A primeira exibição do Circuito Tela Verde de Medianeira-PR, aconteceu no dia 25 de junho e foi um sucesso, reunimos mais de quatrocentos estudantes da rede municipal de ensino, sendo que com o debate podemos perceber que as crianças são bastante críticas e participativas.

Atingimos nosso objetivo com êxito.

Obrigada pela oportunidade de participarmos do Circuito Tela Verde!

INÍCIO DAS EXIBIÇÕES


DEBATE PARTICIPATIVO



Lusiani Zanuzo
Coordenadora da Sala Verde Ecovida
Av: Brasília, 1271 - Centro
Medianeira, PR
(45) 3264-3190

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Associação dos Recicladores de Viamão/RS



EVENTO CANCELADO - Próximas exibições do Tela Verde em Ilhabela/SP

POR SOLICITAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO ELEMENTOS DA NATUREZA DE ILHABELA, INFORMO QUE, POR QUESTÕES DE LOGÍSTICA, FOI CANCELADA A EXIBIÇÃO DO CIRCUITO TELA VERDE, DO DIA 30.06.2009, NA ESCOLA ESTADUAL GABRIEL, DESCRITA ABAIXO.

ATENCIOSAMENTE,

FABIO WESLEY DE MELO
DEA/MMA

CONVITE


A próxima exibição da Mostra de cinema ambiental "Circuito Tela Verde" será realizada na Escola Estadual Gabriel, Rua Santa Tereza, 174 (Vila).
Data: 30/6 (Terça Feira)
Horário: 9h

PROGRAMAÇÃO: exibição de 5 Curtas e Discussão após a sessão.

OBS: a alteração do LOCAL e DATA da exibição foi devido ao incidente acontecido no Espaço "Estaleiro do Futuro".

O Circuito Tela Verde é uma mostra que reúne 30 curtas metragens, realizados entre 2007 e 2008 pela Abaeté Estudos Socioambientais, por meio da Oficina de Cinema Humano Mar, com a participação de dez municípios da Bacia de Campos no Rio de Janeiro que têm sofrido os impactos da indústria do petróleo na região. Um total de 175 jovens participam das oficinas e da produção dos filmes, apresentados posteriormente em fóruns ambientais seguidos de debates com as populações locais.

Entrada Franca

Aguardamos vocês!

João Santana
ASSOCIAÇÃO ELEMENTOS DA NATUREZA

Araçuaí/MG


Advete Santana Santos Rodrigues
Centro Popular de Cultura e Desenvolvimento de Araçuaí/MG
advete@cpcd.org.br

Corumbá/MS

Circuito Tela Verde: IMostra de Filmes Socioambientais Independentes

Abertura do Circuito Tela Verde
Dia 14.05.09
O Circuito Tela Verde inaugura uma parceria inédita entre a Prefeitura Municipal de Corumbá, por intermédio da Secretaria Municipal de Promoção da Cidadania e Secretaria Executiva de Educação, com a Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental, através do Departamento de Educação Ambiental do Ministério do Meio Ambiente (MMA), e a Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura (MinC). O objetivo do Circuito é incrementar o trabalho de educação ambiental por meio da linguagem audiovisual, com uma mostra de vídeos que traz experiências de projetos de Educação Ambiental, utilizando a Educomunicação como referência para as produções. O Circuito é uma iniciativa que visa contribuir com o processo de construção de valores culturaiscomprometidos com a qualidade ambiental.
O Circuito Tela Verde aconteceu no dia 14.05.09, às 19h, no Espaço Educacional , onde o projeto foi apresentado às escolas municipais, estaduais , privadas e comunidade em geral . As exibições serão enriquecidas de debates, visando promover a reflexão e o aprofundamento dos conteúdos apresentados. Os temas abordarão aspectos variados da sociobiodiversidade brasileira, mostrando desde o cotidiano de populações que vivem ou já viveram em estreita relação com a natureza, até as formas de trabalho que degradam o ambiente e destroem a saúde dos trabalhadores. Os ecossistemas, a presença dos animais em nossa vida, são temas abordados nos filmes e proporcionam ao espectador momentos dramáticos, belos e poéticos.

Programação:
• 14.05.09 - Escola Municipal Fernando de Barros;
• 15.05.09 - Escola Municipal Clio Proença,
• 18.05.9 - Escola Delcídio do Amaral,
• 19.05.09 – CAIC
• 20.05.09 – Cássio Leite de Barros;
• 20.05.09 – Rachid Bardauil
• 22.05.09 - Estação Experimental do Campo – Escola Municipal Eutropia G. Pedrozo.

Baixe aqui a matéria completa!

Simone do Valle Leone Peinado
svlp2002@yahoo.com.br
Prefeitura Municipal de Corumbá - Secretaria Executiva de Educação

Rio... para não chorar” inicia Circuito Tela Verde no Pontão Guaicuru, em Campo Grande/MS




Waldely Vaneli
waldelyvaneli@gmail.com
67-3026-6356
Pontão de Cultura Guaicuru

Medianeira/PR

CIRCUITO TELA VERDE
Mostra Nacional de Produções Audiovisuais

A Sala Verde Ecovida, em parceria com as Secretarias de Educação e Meio Ambiente de Medianeira – PR realizará nos dias 25 de junho e 02 de julho o Circuito Tela Verde, Mostra de Cinema Sócioambiental composta por vídeos realizados pelos Ministérios do Meio Ambiente e da Cultura. A mostra acontecerá no Centro Popular de Cultura Arandurá – CPC da seguinte forma:

1ª Exibição – Acontecerá dia 25 de junho às 8 horas e às 14 horas e receberá as escolas municipais Ângelo Darolt, Idalina Pasquotto Bonatto, Ulysses Guimarães, São Luiz e Jayme Canet.

2ª Exibição – Acontecerá dia 02 de julho às 8 horas e receberá o Colégio Estadual Belo Horizonte e os Agentes Ambientais de Medianeira – PR.

Lusiani Zanuzo
Coordenadora da Sala Verde Ecovida
Av: Brasília, 1271 Centro
Medianeira, PR
(45) 3264-3190 - (45) 9982-3474

quinta-feira, 25 de junho de 2009

CONVITE PARA A MOSTRA DE VÍDEOS - GRAVATAÍ/RS


A SMED/Gravataí está organizando uma MOSTRA DE VÍDEOS-CIRCUITO TELA VERDE, em parceria com a Fundação de Arte e Cultura de Gravataí e Fundação Municipal do Meio Ambiente de Gravataí, entre maio e julho de 2009. A agenda de exibições conta com trinta vídeos de curta metragem, com temática sócioambiental e visa estimular atividades em Educação Ambiental. A mostra ocorrerá em Gravataí, com uma agenda de exibições com duração em torno de quarenta minutos à uma hora, mais um tempo para o debate.

As escolas estaduais interessadas em participar da mostra deverão entrar em contato com a SMED/Gravataí pelos telefones (51) 4001-3333/3345/3346 com Patrícia, Vanessa, Christiane ou Eduardo.

Fonte: 28a Coordenadoria Regional de Educação

terça-feira, 23 de junho de 2009

Os alunos da 8ª série matutino participaram do Circuito Tela Verde - São Luís/MA.

Os alunos da 8ª série matutino por intermédio do Professor de geografia Ricardo Jansen, participaram da 1ª Mostra Nacional de produção audiovisual independente Circuito Tela Verde - São Luís/MA, que consistiu na exibição de vídeos de temática socioambiental, com posterior debate.

Essa mostra foi fruto de uma parceria entre o Departamento de Educação Ambiental do Ministério do Meio Ambiente, Ministério da Cultura e a Secretaria de Educação de São Luís, tendo como público alvo a comunidade ludovicense. Utilizando metodologias de educomunicação, os filmes ofereceram um mosaico de opiniões, visões de mundo e modos de vida dos membros das comunidades locais sobre o meio ambiente, os problemas e as responsabilidades ambientais Trazendo assim uma importante contribuição para compreendermos como as comunidades tomam parte nos processos da gestão ambiental pública.

Fonte: Colégio Literato



Circuito Tela Verde terá vídeos e debates no Espaço do Ambiente

O Circuito Tela Verde, da Secretaria Estadual do Ambiente (SEA) e do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), terá exibição de filmes seguida de debates neste sábado, às 17h, no Espaço Encontro das Águas (Lagoa Rodrigo de Freitas, próximo ao Parque dos Patins). As biólogas Marina Sborowski, da SEA, e Geisy Leopoldo, do Inea, especializadas em Ecologia Social, serão as debatedoras.

Quem comparecer ao Espaço Encontro das Águas poderá assistir aos documentários Apertando o mangue; Lá é mais difícil; Mulheres do Âncora; Vai vendo; Maré Baixa; e Sal da Terra. O circuito é uma parceria entre o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e o Ministério da Cultura (MinC), com o objetivo de estimular as atividades de educação ambiental por meio da linguagem audiovisual.

No total, o circuito conta com 30 vídeos de curta metragem, produzidos por diferentes comunidades, como parte de um processo de educação ambiental de caráter crítico e participativo, utilizando metodologias de educomunicação. Novas exibições estão marcadas para os dias 27 de junho e 4 e 11 de julho, no mesmo horário. A entrada é franca.

Fonte: O Fluminense

Filmes seguidos de debate sobre educação ambiental nas escolas de NI

A partir da próxima semana a Prefeitura de Nova Iguaçu dá início ao projeto Circuito Tela Verde, em que serão apresentados dois filmes sobre educação ambiental seguido de debate. As exibições acontecerão em seis escolas municipais que ficam em área rural. O objetivo é mobilizar toda a sociedade em ações que vão promover melhorias para o meio ambiente e aproximar a comunidade das atividades que acontecem nas escolas. As sessões são de graça e poderão participar, gratuitamente, alunos do 5º ano do ensino fundamental, lideranças comunitárias, ambientalistas, educadores e demais moradores da cidade.

O Circuito Tela Verde é uma parceria entre a prefeitura e os ministérios do Meio Ambiente (MMA) e Cultura (MinC), com o objetivo de estimular atividades de educação ambiental por meio da linguagem audiovisual, com uma mostra de vídeos que traz experiências de projetos de educação ambiental realizadas em várias regiões do país. A primeira sessão será nesta segunda-feira (22/06), na Escola Municipal Campo Alegre – Rua Alexandre, s/nº, Campo Alegre-, às 14h.

As próximas exibições acontecem nos dias 01º, 02, 06 e 07 de julho.

Fonte: Prefeitura de Nova Iguaçu

Programação do Circuito Tela Verde Rio


No último dia 6 de junho, o Centro de Educação Ambiental – CEA – Encontro das Águas foi palco do lançamento do CIRCUITO TELA VERDE RIO. O evento, que é uma parceria da Secretaria de Estado do Ambiente – SEA – com o Instituto Estadual do Ambiente – INEA –, foi o primeiro de uma série de cinco exibições de curtametragens, seguidas de debate.


Na ocasião, a Superintendente de Educação Ambiental da SEA/RJ, Lara Moutinho da Costa, coordenou o debate sobre os curtametragens “Coisas impossíveis”, “Outras praias”, “Retratos, antes que a casa caia”, “Rio para não chorar” e “Roda Viva”.

Participaram das discussões cerca de 50 estudantes do curso de Geografia da UERJ, acompanhados pela Vice Diretora do Instituto de Geografia e professora da UERJ, Sônia Gama, além de frequentadores e turistas moradores da Lagoa Rodrigo de Freitas, bairro onde fica localizado o CEA.

Até o mês de julho, aos sábados, a partir das 11h, o CEA Encontro das Águas sediará estes encontros que visam estimular atividades de Educação Ambiental através da linguagem audiovisual.

O projeto CIRCUITO TELA VERDE é uma iniciativa do Ministério do Meio Ambiente (Departamento de Educação Ambiental, da Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental – DEA/SAIC/MMA) em parceria do Ministério da Cultura (Secretaria do audiovisual (SAV/MinC) e teve o seu lançamento Nacional no Espaço Tom Jobim do Jardim Botânico do Rio de Janeiro (JBRJ), no dia 17 de abril deste ano.

PRÓXIMOS EVENTOS

DIA 20/06

CURTAMETRAGENS

• “Apertando o Mangue”
• “Lá é mais difícil”
• “Mulheres do Âncora”
• “Vai vendo”
• “Maré Baixa”
• “Sal da Terra”

DEBATEDOR
Luiz Américo Araujo Vargas – Biólogo, Mestre em Educação e Coordenador de Projetos Sócioambientais da SEAM/SEA

DIA 27/06

CURTAMETRAGENS

• “Geribabel”
• “Havia um tempo”
• “Pequenos atos”
• “A ponte”
• “Caminho do mundo”
• “Insuficiência”

DEBATEDORAS
Marina Zborowski – Bióloga, Mestre em Psicossociologia de Comunidades e Ecologia Social, e Assessora Técnica da Superintendência de Educação Ambiental/SEA

Geisy Leopoldo – Bióloga, Mestre em Psicossociologia de Comunidades e Ecologia Social, e Assessora Técnica da Gerencia de Educação Ambiental/INEA

DIA 04/07

CURTAMETRAGENS

• “Barra viva”
• “Encontro das águas”
• “Mar cigano”
• “Do lado de cá”
• “Perambulante”
• “Vento corredor”

DEBATEDORA

Pólita Gonçalves – Especialista em resíduos sólidos e Gerente de Educação Ambiental do INEA


DIA 11/07

• “Além do que se vê”
• “Procura-se”
• “Quem foi que disse que o mar não tem peixe?”

DEBATEDORAS

Lourdes Guimarães – Bióloga, Assessora Técnica da Superintendência de Educação Ambiental/SEA

Lúcia Carreira Jardineiro – Química e Assessora Técnica da Superintendência de Educação Ambiental/SEA

Fonte: ConexãoProfessor

Curtas na Unesc

A temática socioambiental entra em destaque a partir desta segunda-feira, na Unesc, com a realização da 1ª Mostra de Curtas Metragens. Promovido pelo projeto Sala Verde, o evento será realizado no auditório Ruy Hülse até quinta-feira, durante os Seminários Interdisciplinares do Curso de Ciências Biológicas, no horário das 19 horas às 19h30min. A iniciativa é alavancada pelos ministérios de Meio Ambiente e da Cultura, integrando o Circuito Tela Verde.

Fonte: A Tribuna SC

Circuito de cinema traz filmes sobre projetos ambientais a SP

Fonte: Sustenta

UERJ recebe circuito verde de cinema


A Universidade do Estado do Rio de Janeiro recebe, entre os dias 2 e 30 de junho, o Circuito Tela Verde de Cinema, projeto desenvolvido pelo Ministério do Meio Ambiente e o Ministério da Cultura.O circuito é composto por uma mostra de trinta vídeos de curta metragem que serão exibidos e debatidos durante o mês de junho. O objetivo do evento é contribuir com o processo de construção de valores culturais comprometidos com a qualidade ambiental.


Com entrada franca, o evento será realizado no Auditório 71, 7º andar, Pavilhão João Lyra Filho, das 13h às 17h.

Programação do evento:

02/06

VÍDEOS: Coisas Impossíveis, Outras Praias, Retrato, Antes Que a Casa Caia e Rio... Para Não Chorar Roda Viva
DEBATEDORES: Marilene Cadei (doutora em Saúde Coletiva e mestre em Educação); Bruno Fernandes (pós-graduado em Jornalismo Cultural e bacharel em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo); Janny Fortes (especialista em Biblioteconomia) e Waisenhowerk Vieira (mestre em Biociências Nucleares).

09/06

VÍDEOS: Apertando o Mangue, Lá é Mais Difícil, Mulheres do Âncora, Vai Vendo, Maré Baixa e Sal da Terra
DEBATEDORES: Ana Maria de Almeida Santiago (doutoranda em Meio Ambiente e mestre em História); José Vicente Martorano (bacharel em Física e especialista em Gestão Ambiental) e Alex Bernal (bacharel em Oceanografia / membro do Coletivo Jovem de Meio Ambiente).

16/06

VÍDEOS: Geribabel, Havia um Tempo, Pequenos Atos, A Ponte e Caminho do Mundo Insuficiência
DEBATEDORES: Carlos Eduardo Leal (doutor em Física e mestre em Física); Marco Aurélio Moreira (pós-graduando em Ensino de Ciências e licenciado em Ciências Biológicas); Carlos Alberto A. Monerat (pós-graduando em Ensino de Ciências e licenciado em Ciências Biológicas), Thiago Vasquinho (licenciado em Ciências Biológicas e membro do Coletivo Jovem de Meio Ambiente).

23/06

VÍDEOS: Barra Viva, Encontro das Águas, Mar Cigano, Do Lado de Cá, Perambulante, Vento Corredor
DEBATEDORES: Cibele Schwanke (doutora em Ciências e mestre em Geociências); Júlio Ribeiro (doutorando em Meio Ambiente e mestre em Engenharia de Produção); Marcelo Rollo (bacharel e licenciado em História) e Bárbara Rustum Andréa (pós-graduanda em Ensino de Ciências, bacharel e licenciada em Biologia e membro do Coletivo Jovem de Meio Ambiente).

30/06


VÍDEOS: Além do que se Vê, Procura-se,Quem foi que disse que o Mar não tem Peixe?, Lembra-te do Dia de Sábado, Maragado e Tabuaçu
DEBATEDORES: Elizabeth Rios (mestre em Ciências Biológicas e Botânica), Ana Maria de Almeida Santiago (doutoranda em Meio Ambiente / mestre em História), Aline Ferrari (pedagoga), Priscila Amaro Lopes (bacharel em Ciências Biológicas e membro do Coletivo Jovem de Meio Ambiente).

Assessor de Imprensa: Marcio Cordovez
2569-8803
imprensa.comuns@gmail.com

Fonte: UFRJ

Curtas no campus - Circuito Tela Verde será apresentado no mini-auditório

O Departamento de Interação com a Sociedade, o curso de Geografia do IFRN e a Diretoria de Educação e Tecnologia de Recursos Naturais, convidam servidores e alunos para 1ª Primeira Mostra Nacional de Produção Audiovisual Independente (Circuito tela Verde), que vai ser realizado nos dias 29/06 e 1º de julho, no mini-auditório do IFRN.

O Circuito Tela Verde inaugura uma parceria inédita entre o Ministério do Meio Ambiente e o Ministério da Cultura. O objetivo é estimular atividades de educação ambiental por meio da linguagem audiovisual, com uma mostra de vídeos que traz experiências de projetos com esta temática.

Mais informações no Departamento de Interação com a Sociedade do IFRN pelo número (84) 4005-2681.

Abaixo segue a programação:

Programação Circuito Tela Verde

Fonte: IFRN

Vídeos e debates – Circuito Tela Verde discute meio ambiente e educomunicação


Neste sábado, dia 19, as biólogas Marina Sborowski, da Secretaria Estadual do Ambiente do Rio de Janeiro, e Geisy Leopoldo, do Instituto Estadual do Ambiente, Inea, especializadas em Ecologia Social, participam de debates no Circuito Tela Verde.


O evento tem início às 17 horas no Encontro das Águas, na Lagoa Rodrigo de Freitas e tem como objetivo estimular as atividades de educação ambiental por meio da linguagem audiovisual.

Serão exibidos 30 vídeos de curta metragem e os documentários Apertando o mangue; Lá é mais difícil; Mulheres do Âncora; Vai vendo; Maré Baixa; e Sal da Terra.

Estão previstas novas sessões nos dias 27 de junho e 4 e 11 de julho, no mesmo horário. A entrada é gratuita.

*Com informações da Ascom

Fonte: AmbienteBrasil
Por: Danielle Jordan

Circuito Tela Verde traz discussões ambientais para o cinema


Começa na próxima terça-feira, 23, no Centro de Artes a mostra de cinema ambiental Circuito Tela Verde, em Friburgo. Serão 30 vídeos de curta metragem, produzidos por diferentes comunidades do país, exibidos em cinco etapas, sempre às terças-feiras, até o dia 21 de julho.


A mostra faz parte de um processo de educação ambiental de caráter crítico e participativo, utilizando metodologias de educomunicação, na intenção de contribuir na construção de valores culturais comprometidos com a qualidade ambiental. A ação também tenciona estimular as comunidades a participarem dos processos de gestão ambiental pública.

O Circuito Tela Verde, que também acontecerá em Lumiar, a partir do dia 30, é promovido em Nova Friburgo pela Superintendência Regional Rio Dois Rios (Suprid), do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), em parceria com a Superintendência de Educação Ambiental da Secretaria de Estado do Ambiente (Seam/SEA), com apoio da Secretaria Municipal de Cultura e do Cineclube Lumiar. A mostra é fruto de uma parceria inédita entre o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e o Ministério da Cultura (MinC), com o objetivo de estimular atividades de educação ambiental por meio da linguagem audiovisual.

No Centro de Artes os vídeos serão exibidos entre as 15h e 17h, com entrada franca, nos dias 23 e 30 de junho, 07, 14 e 21 de julho, sempre com a presença de técnicos e especialistas atuantes nas questões ambientais. No dia 23, é a vez do chefe de Fiscalização e Licenciamento do Inea, Alessandro Vianello, seguido nas sessões seguintes pelo geólogo Ricardo Silva de Souza, o geógrafo Armando Thomaz Morett, o engenheiro agrônomo Luiz Vicente Marinho Lutz e a engenheira florestal Christiany Araújo Cardoso Mota. Agendamento para grupos podem ser feitas com Lúcia, a partir das 15h, pelo telefone 2533-1359.

Em Lumiar, as sessões acontecem nos dias 30 de junho, 02, 08, 16 e 23 de julho, às 8h e 19h, no Cineclube Lumiar, que funciona no Euterpe Lumiarense, na Praça Levi Ayres Brust (ao lado do correio de Lumiar). As sessões, que também são gratuitas, podem ser agendadas para grupos pelos telefones 2542-6117 e 9273-9833, com Pedro.

O Circuito Tela Verde acontece em diversas cidades do país, encerrando-se no dia 23 de julho. Os filmes a serem exibidos na primeira semana são os seguintes:

Apertando o mangue, que se trata de uma reflexão sobre o homem e a natureza em uma cidade em crescimento; Lá é mais fácil, em que as diferenças entre os jovens da zona rural e urbana são apresentados pelos próprios em depoimentos que acabam denunciando que não existem tantas diferenças assim entre eles;

Mulheres do âncora, sobre as diferentes profissões das mulheres de pescadores, como elas ajudam no sustento enquanto esperam seus maridos voltarem do mar;

Vai vendo..., filme realizado em Rio das Ostras, onde a explosão demográfica desordenada, a diminuição dos peixes no mar e o descuido com a natureza são representados pela construção de uma ponte na cidade, que deveria ser símbolo da evolução da mesma, acaba se tornando moldura para a vida cheia de dificuldades de seus moradores;

Maré baixa, sobre a constante destruição sofrida pela Lagoa de Araruama, e como os pescadores de camarão e tainha da região precisam procurar outros meios de sobrevivência, visto que estas espécies estão desaparecendo; e

Sal da terra, sobre um salineiro solitário observando o fim de seu ofício, enquanto as salinas se tornam cidades e seu barracão, assim como toda a vida que conhece, se dissolve sob o sol.

Fonte: in360

Circuito Tela Verde começa hoje na UFRN

Os vídeos foram realizados entre 2007 e 2008 com participação de 175 alunos de 10 municípios e utilizando metodologias da Educomunicação.

O Circuito Tela Verde, mostra de vídeos sobre meio ambiente, começa hoje (23), às 19h, no Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

São 30 curtas-metragens divididos em cinco exibições: dia 26 no Centro de Biociências da UFRN, 29 no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), dia 30 no Parque das Dunas e 1º de julho novamente no IFRN.

O órgão preparou a mostra em parceria com os Ministérios do Meio Ambiente e da Cultura com o objetivo de comemorar os 10 anos da Política Nacional de Educação Ambiental – Lei 9.795/99.

Os vídeos foram realizados entre 2007 e 2008 com participação de 175 alunos de 10 municípios e utilizando metodologias da Educomunicação.

O Projeto Circuito Tela Verde recebeu, em 2008, o prêmio Brasil Ambiental, um dos mais importantes do país.

Veja programação:

23/06 (terça-feira)
Local: UFRN - Auditório A do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA)
Horário: 19h
- Barra Viva – 12’50’’ -
- Encontro das Águas – 12’40’’
- Mar Cigano – 14’00’’
- Do Lado de Cá – 13’00’’
- Perambulante – 9’00’’
- Vento Corredor – 16’00’’

26/06 (sexta-feira)
Local: UFRN – Centro de Biociências – Anfiteatro das Aves
Horário: 19h
- Apertando o Mangue – 11’45’’
- Lá é Mais Fácil – 11’35’’
- Mulheres do Âncora – 15’22’’
- Vai Vendo – 15’30’’
- Maré Baixa – 9’14’’
- Sal da Terra – 10’42’’

29/06 (segunda-feira)
Local: IFRN – Mini-Auditório
Horário: quatro sessões pela manhã e às 19h
- Coisas Impossíveis – 10’35’’
- Outras Praias – 8’45’’
- Retrato – 5’21’’
- Antes que a Casa Caia – 13’37’’
- Rio... Para Não Chorar – 11’03’’
- Roda Viva – 13’16’’

30/06 (terça-feira)
Local: Parque das Dunas
Horário: 15h
- Além do Que se Vê – 12’00’’
- Procura-se – 12’00’’
- Quem Foi Que Disse Que o Mar Não Tem Peixe – 14’00’’
- Lembra-te do Dia de Sábado – 13’16’’
- Maragado – 13’50’’
- Tabuaçú – 14’20’’

01/07
Local: ainda não definido
Horário: quatro sessões pela manhã e às 19h
- Geribabel – 11’05’’
- Havia um Tempo – 14’14’’
- Pequenos Atos – 10’00’’
- A Ponte – 9’47’’
- Caminho do Mundo – 10’10’’
- Insuficiência – 10’02’’

Saiba mais aqui.

* Com informações do Ibama

Fonte: nominuto.com

CINECLUBE e CIRCUITO TELA VERDE

Filmes e vídeos serão exibidos para a comunidade, com o objetivo de informar e formar. Também através da parceria com o Circuito Tela Verde, o Ponto de Cultura visa promover a educação ambiental através da linguagem audiovisual.

Fonte: Ponto de Cultura Ilha do Mel

Exibição do Circuito Tela Verde em Estrela

Cada sessão é acompanhada de uma rodada de pipocas, tornando divertido e prazeroso o Tela Verde. Após cada sessão é promovido o debate

Em parceria com o Ministério do Meio Ambiente, a Prefeitura de Estrela, por intermédio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Saneamento Básico através da Sala Verde Manoel Ribeiro Pontes Filho, está exibindo o Circuito Tela Verde.

Os curtas foram produzidos pela Abaeté Estudos Socioambientais entre 2007 e 2008 e, por seu caráter inovador, recebeu o prêmio Brasil Ambiental em 2008.

As exibição já podem ser agendadas pelo telefone (51) 3981-1093 ou pelo e-mail salaverde@estrela-rs.com.br. Após a exibição dos curtas, é promovido um debate entre os presentes.

Os curtas que podem ser exibidos são:

DVD 1 - Coisas Impossíveis, Outras Praias, Retrato, Antes que a Casa Caia, Rio... para não chorar e Roda Viva.

DVD 2 – Apertando o Mangue, Lá é mais Difícil, Mulheres do Âncora, Vai vendo, Maré Baixa e Sal da Terra.

DVD 3 – Geribabel, Havia um Tempo, Pequenos Atos, A Ponte, Caminho do Mundo e Insuficiência.

DVD 4 - Barra Viva, Encontro das Águas, Mar Cigano, Do Lado de Cá, Perambulante e Vento Corredor.

DVD 5 - Além do que se Vê, Procura-se, Quem foi que disse que no Mar não tem Peixe? Lembra-te do dia de Sábado, Maragado, e Tabuaçu.

As próximas exibições ocorrem na Soges, na Semana do Meio Ambiente de Estrela, que será realizada de 27 de maio a 05 de junho e que prevê uma série de atividades como: Palestra, Plantio de Mudas do Projeto Corredor Ecológico, Pedágio Ecológico e Mostra Itinerante do Bioma Mata Atlântica; que promovem a ação e a reflexão voltadas para as questões ambientais locais.

Após a Semana do Meio Ambiente, até o mês de julho, as outras sessões ocorrerão na Sala Verde.

Fonte: Região dos Vales

Apresentação e Debate de Vídeos Projeto "Circuito Tela Verde"

Apresentação e Debate de Vídeos relacionados ao Projeto "Circuito Tela Verde".

Local: Sala Multimeios (na sede da Unipampa - Rua Carlos Barbosa, s/nº)
Data: 24/06/2009
Horário: a partir das 17:20h, com término previsto às 18:50h.

Resumo sobre o Projeto:

O Circuito Tela Verde é uma parceria entre o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e o Ministério da Cultura (MinC). Em Bagé, as exibições do projeto estão sendo promovidas pelo Departamento de Água e Esgotos de Bagé (Daeb) e Secretaria Municipal de Cultura. O objetivo do projeto é o estímulo de atividades de Educação Ambiental, promovidos pela linguagem audiovisual. Os vídeos exibidos apresentam relatos de experiências de projetos de educação ambiental e visam a conscientização dos participantes da atividade, buscando uma mudança de atitudes com assuntos relacionados ao meio ambiente.

Fonte: Unipampa

Circuito Tela Verde segue na programação do mês do Meio Ambiente

Confira locais e horários dos filmes de conscientização ambiental.

Durante todo o mês de junho, a Sala Verde e o Museu da Imagem e do Som estão apresentando o Circuito Tela Verde, que exibe filmes ambientais, revelando a diversidade dos olhares sobre a questão ambiental e trazem uma importante contribuição para compreender como as comunidades tomam parte nos processos da gestão ambiental pública.

O Ministério do Meio Ambiente e o Ministério da Cultura é o criador do Circuito Tela Verde, uma mostra de filmes, vídeos e animações ambientais para exibição simultânea em 250 salas de todo o país. Entre os espaços exibidores estão: Salas Verdes, instituições-sede de Coletivos Educadores, Pontos de Cultura, cineclubes, instituições de ensino, associações comunitárias, organizações indígenas e unidades do Ibama.

As exibições geralmente são acompanhadas de palestras, debates e reflexões sobre temas ambientais.

Clique aqui para conhecer a agenda do Circuito Tela Verde em Araxá.

Fonte: Diário de Araxá

Pontão de Cultura abre mostra de cinema ambiental


O cinema como instrumento de educação ambiental ganhou uma mostra especial em Campo Grande. Começou hoje e segue até o dia 26 de junho.

No período de 22 a 26 de maio, a primeira mostra de filmes sócio-ambientais independentes, como parte da programação do Circuito Tela Verde do Cinema Livre, projeto do Pontão de Cultura Guaicuru.


Na relação de exibições estão 30 filmes sobre a relação do homem com a natureza. Os temas envolvem degradação, preservação e turismo, sempre com debates ao final do filme.


Nesta segunda-feira, a estréia foi com o curta metragem “Rio... para não chorar”, que mostra as transformações feitas pelo homem na natureza e que acabam alterando a vida.


A iniciativa é do Ministério do Meio Ambiente, Ministério da Cultura, Ibama, a Abaeté Estudos Socioambientais e o Pontão de Cultura Guaicuru e tem o apoio da Fundação de Cultura de Campo Grande.


O pontão fica na rua 13 de Maio, 727, Vila Dorothéia.

Fonte: Campo Grande News

“Rio... para não chorar” inicia Circuito Tela Verde em CG


Sonhos da vida que terminam por causa do mau cheiro, doenças e alagamentos. O homem age e a natureza reage, traz de volta a sujeira que queremos esquecer. Esse é o enredo do filme “Rio... para não chorar” que mostra as transformações feitas pelo homem na natureza e que acabam alterando sua vida. É um dos curta metragens que compõem o Circuito Tela Verde: I Mostra de filmes socioambientais independentes na atividade do Cinema Livre, no Pontão de Cultura Guaicuru.


No período de 22 a 26 de maio, das 8h às 11h, duzentos e oitenta alunos do ensino médio da Escola Estadual Orcírio Thiago de Oliveira, na Capital, participarão da mostra realizada em 250 espaços exibidores de todo o País: Grupos de Educadores, Pontos de Cultura, Cineclubes, Instituições de Ensino, Associações Comunitárias, Organizações Indígenas e unidades do Ibama.

Os estudantes assistirão 30 filmes que revelam a relação do homem com a natureza. Temas como degradação, preservação e turismo são abordados pela linguagem audiovisual de forma criativa estimulando a reflexão. Ao final de cada sessão, debates com personalidades que se destacam na causa em Campo Grande, como Yara Medeiros, jornalista atuante no Núcleo Ecomunicadores dos Matos e coordenadora de comunicação do projeto Crianças das Águas, que participou do bate papo com os estudantes na manhã desta segunda-feira (22/06).

Para a jornalista, o projeto é positivo para a formação da consciência da nova geração. “É fundamental lançar esse olhar para nós mesmos, para a nossa realidade. Há alguns anos atrás não existia a preocupação com o meio ambiente, como vemos hoje”, explica.

Ercilia Gomes Ferreira, estudante, 14 anos, diz ter gostado do debate. “Normalmente não discutimos essas questões. Temos o conhecimento, mas acabamos degradando a natureza inconscientemente”, acredita. Carlos Fábio Martinez, 16 anos, crê na conscientização como ponto de partida para ações. “Compreendendo quais os problemas, poderemos agir, cuidar melhor de tudo o que está a nossa volta.

A rodada de debates segue com Paulo Robson de Souza, professor do Departamento de Biologia da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul que atua na formação de professores, na divulgação científica e educação ambiental, André Luiz Siqueira, Coordenador de Ações de Campo da Ong Ecologia e Ação - Ecoa que desenvolve a metodologia “Desenvolvimento Integral de Comunidades” com Pescadores na Serra do Amolar, Pantanal do Paraguai, no extremo Noroeste do Estado de MS, Eduardo Romero, jornalista, ator de teatro e ativista ambiental e Leonardo Sampaio Costa, Presidente do Conselho Municipal do Meio Ambiente. A coordenação da atividade e mediação dos debates é do pedagogo Waldely Vaneli, responsável pela Sala de Leitura do Pontão Guaicuru.

A iniciativa é do Ministério do Meio Ambiente, Ministério da Cultura, Ibama, a Abaeté Estudos Socioambientais e o Pontão de Cultura Guaicuru e tem o apoio da Fundação de Cultura de Campo Grande.

Fonte: MS Notícias

1ª Mostra Nacional de Produção Audiovisual Independente Circuito Tela Verde em Belo Horizonte

A Secretaria Municipal Adjunta de Meio Ambiente de Belo Horizonte (SMAMA) divulga uma programação especial para os admiradores de curta metragens com a apresentação da 1ª Mostra Nacional de Produção Audiovisual Independente Circuito Tela Verde. Serão feitas exibições e debates de 30 vídeos sobre temas socioambientais.

As amostras acontecem nos dias 22, 23, 25 e 26 de junho, das 14h às 17h, no Centro de Extensão em Educação Ambiental, localizado na avenida Afonso Pena, 4000, 7º andar, bairro Cruzeiro. A programação também faz parte da comemoração do Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado em 5 de junho. A parceria é do Ministério do Meio Ambiente e do Ministério da Cultura.

Veja a programação e sinopses dos vídeos:

Dia 23/06 - 3ª feira
Horário: das 14h às 17h

- Maré Baixa (9’14”)
Qual o limite da exploração do homem sobre o planeta? A ganância, a especulação imobiliária cega, que não leva em conta o equilíbrio ambiental, esta progressivamente destruindo a maior fonte de riqueza da região: a Lagoa de Araruama. Os pescadores de camarão e tainha precisam procurar outros meios de sobrevivência agora que estas espécies estão desaparecendo. (São Pedro da Aldeia, RJ)

- Coisas Impossíveis (10’35”)
O filme pesquisa a invasão das áreas de preservação ambiental em Arraial do Cabo. O duelo entre os direitos de preservação e moradia é o que esta em jogo com ou sem juízo final. O que esta acontecendo com a APA da Massambaba e as belíssimas paragens da Praia do Forno? (Arraial do Cabo, RJ)

- Outras Praias (8’45”)
Turistas são atraídos pelas incríveis praias de Arraial do Cabo e movimentam o balneário em épocas de alta temporada. No entanto o que acontece quando eles vão embora? O que existe na cidade além das praias? (Arraial do Cabo, RJ)

- Retrato (5’21”)
Sem precisar de palavras o filme mostra a vida simples de um rapaz que participa do projeto “Guardião Ecológico” e limpa a sujeira deixada na areia da Prainha, em Arraial do Cabo. (Arraial do Cabo, RJ)

- Antes Que a Casa Caia (13’37”)
Pedras que rolam, pedras que voam, poeira, explosões, assustadoras rachaduras. Já imaginou morar perto de uma pedreira? (Araruama, RJ)

- Rio... Para Não Chorar (11’03”)
Em rios. Hoje “valões”. Sonhos de vida que terminaram por causa do mau cheiro, doenças e alagamentos. O homem age, a natureza reage, traz de volta a sujeira que queremos esquecer. O filme mostra as transformações que o homem faz na natureza acabam alterando sua própria vida. (Araruama, RJ)

- Roda Viva (13’16”)
Há poucos anos atrás, a Lagoa de Araruama era “viva” e importante geradora de riquezas. Contudo, a poluição, a construção civil desordenada e as ações irresponsáveis do homem fizeram a bela água escurecer, afastaram os peixes e os turistas, e transformaram as salinas em grandes condomínios. Ainda existe esperança? (Araruama, RJ)


23/06/09

Onde será o evento
Centro de Extensão em Educação Ambiental - Av. Afonso Pena, 4000, 7º andar, bairro Cruzeiro

Estação do metrô
Não há

Segmentos
- Audio visual

Fonte: Guia Entrada Franca

Circuito Tela Verde começa nesta terça no Centro de Arte


Começa hoje, 23, no Centro de Arte (Praça Getúlio Vargas 71, Centro), a mostra de cinema ambiental Circuito Tela Verde. Parte de um processo de educação ambiental promovido pela Superintendência Regional Rio Dois Rios (Suprid), do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), em parceria com a Superintendência de Educação Ambiental da Secretaria de Estado do Ambiente (Seam/SEA), com apoio da Secretaria Municipal de Cultura e do Cineclube Lumiar, a mostra é fruto de parceria inédita entre o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e Ministério da Cultura (MinC), em que 30 vídeos de curta-metragem produzidos por diferentes comunidades do país serão exibidos em cinco etapas, sempre às terças-feiras, até o dia 21 de julho.


A ação, que tenciona estimular as comunidades a participarem dos processos de gestão ambiental pública, também acontecerá em Lumiar a partir do dia 30. No Centro de Arte os vídeos serão exibidos entre 15h e 17h, com entrada franca, nos dias 23 e 30 deste mês e 7, 14 e 21 de julho, sempre com a presença de técnicos e especialistas atuantes nas questões ambientais. Neste dia 23 será Alessandro Vianello, chefe de fiscalização e licenciamento do Inea, quem guiará as conversas após a exibição dos filmes.

Em cartaz hoje, seis produções em que as ações e reações são captadas em níveis humanos. Apertando o mangue, uma reflexão sobre o homem e a natureza numa cidade em crescimento; Lá é mais fácil, sobre as diferenças e semelhanças de vida de jovens da zona rural e urbana; Mulheres do âncora, sobre as diferentes profissões das mulheres de pescadores, como elas ajudam no sustento enquanto esperam seus maridos voltarem do mar; Vai vendo..., filme realizado em Rio das Ostras, onde a explosão demográfica desordenada, a diminuição dos peixes no mar e o descuido com a natureza são representados pela construção de uma ponte na cidade, que deveria ser símbolo da evolução do município e acaba se tornando moldura para a vida cheia de dificuldades de seus moradores; Maré baixa, sobre a constante destruição sofrida pela Lagoa de Araruama e como os pescadores de camarão e tainha da região precisam procurar outros meios de sobrevivência, visto que essas espécies estão desaparecendo; e Sal da terra, sobre um salineiro solitário observando o fim de seu ofício, enquanto as salinas se tornam cidades e seu barracão, assim como toda a vida que conhece, se dissolve sob o sol.

Fonte: A Voz da Serra Online

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Intervenção Cultural Ambiental em Vitória/ES

Vejam o que recebemos de um grupo que está usando os vídeos do Circuito Tela Verde.


Bom dia!!!!!
Saudações ambientais!

Fizemos mais uma exibição, que na realidade foi uma “Intervenção Cultural Ambiental”, e foi Fannnnttttttaaassssstica.

O cenário a Padaria Sonho de Arte (comercio local);

À hora, de pico, 18 horas;

A estratégia, a televisão posicionada de canto para que qualquer pessoa que estivesse em qualquer lugar dentro da padaria pudesse ter visão;

O publico, crianças saindo da escola, pais com os filhos que buscaram na creche, professos da escola e creche, funcionários de dois Postos de Saúde e moradores todos com a intenção de comprar pão para o lanche e lógico na correria;

O resultado;
01 - Agenda para exibição na creche, na escola de novo, no posto de saúde e consequentemente na padaria mais uma vês (sem contar que na padaria poder surgir um espaço para exibição de filmes curtas);
02 - As pessoas criticavam os nossos governantes e riam por saber que na cidade maravilhosa tem lixão como um dia tivemos;
03 - O prazer de ter promovido a educação ambiental de uma forma bem diferenciada, quebrando rotinas;

As fotos só duas, a maquina estava com a bateria no fim;

A lista de presença impossível num cenário turbulento;

Mas adoramos a experiência.

*Soemy Santana / Programa escola Aberta - EMEF Mauro Braga
*Maria Jose / CEMEI Odila Simões
*Ednara Trancoso / Núcleo de Desenvolvimento sócio cultural ambiental – Projeto Reciclafolia
*Penha Maria /EMEF Mauro Braga – Projeto Amigo Leitor / Biblioteca na Calçada

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Tela Verde em Florianópolis/SC

O Instituto Atitude Formação Profissional Ltda. promoverá sua 1ª exibição do Tela Verde no próximo dia 27 de junho, às 20 hs, na Fundação ASSEFAZ, R. Vereador Osni Ortiga, 2399, Lagoa da Conceição, Florianópolis/SC. Informações no Instituto Atitude, com Armênio pelo telefone 48 - 9941 4933 ou pelos emails atitude.eliana@gmail.com ou dr.lima@gmail.com

Atenciosamente,

Eliana

Vitória/ES

Os parceiros Núcleo de Desenvolvimento Sócio Ambiental – Projeto Recicla Folia, Escola Aberta/EMEF Mauro Braga e o projeto Amigo leitor/ Biblioteca na calçada/EMEF Mauro Braga, que estiveram presentes na oficina "o uso do video na educação ambiental' realizada no Centro de Referência da Juentude no dia 02 de Junho de 2009, uniram-se hoje dia 16 de junho de 2009 para realizar exibições de vídeos com temática ambiental (Circuito Tela Verde) para alunos e professores da EMEF Mauro Braga no bairro de SantaTereza em Vitória/ES. Participaram 35 pessoas que ao final da exibição firmaram o compromisso de cuidar do jardim da escola.



Ednara Trancoso Penha
Soemy Santana

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Quero assistir ao Tela Verde!

Comente como será organizada a Mostra do Circuito Tela Verde no seu espaço exibidor.
As pessoas querem saber onde e quando podem assistir aos vídeos. Divulgue a mostra, o nome do seu espaço, dias e horários que acontecerá a sua exibição, no campo comentários (lado direito abaixo).
Dessa forma poderemos auxiliar na divulgação!

Galpão Cultural em parceria com a ETEC Pedro D' Arcádia Neto e Ong CIRCUS promovem Circuito Tela Verde em AssisSP/

Olá Pessoal!!
Gostaria de divulgar a programação do Circuito Tela Verde aqui em Assis.Envio em anexo o cartaz.
Grato pela atenção,

Pedro Ivo Freitas de C. Yahn

terça-feira, 16 de junho de 2009

Associação Beneficiente da Comunidade de Floresta Azul/BA

Fotos do Circuito Tela Verde, promovido pela Associação Beneficiente da Comunidade de Floresta Azul, na Bahia!
Raimundo Silva Cardoso Júnior

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Sala Verde Três Corações/MG

No dia 05 de junho de 2009 a Sala Verde promoveu na Câmara de Vereadores de Três Corações, a abertura oficial do Circuito Tela Verde uma exibição de vídeos realizadas em parceria com Ministério do Meio Ambiente, com o objetivo de estimular atividades de Educação Ambiental por meio da linguagem audiovisual.
O Secretario do Meio Ambiente, Marcelo de Castro Murad, abriu o evento lembrando da importância do homem estar refletindo sobre o meio ambiente, que é a sua morada e a importância de estar promovendo ações com o objetivo de preservar nosso planeta.
Para iniciarmos os trabalhos contamos com uma apresentação do Coral da Escola Municipal Dona Maria Laura, que cantou músicas sobre o meio ambiente.
Logo após foi exibido o curta “Antes que a casa caia” e promovido uma roda de conversas com a participação das ONGs Viraminas e Unindatribo. Houve uma constatação que o homem se coloca a parte do ambiente como se houvesse uma parede de vidro separando o homem do restante da natureza e que é urgente rompermos esta barreira até para a melhoria da qualidade de vida no planeta.
Para fechar o evento houve a apresentação do grupo Tim Arteducação de Varginha, que realiza sons com diversos materiais reaproveitados.
Lembramos que a apresentação do Circuito Tela Verde acontecerá na Universidade Vale do Rio Verde, dias 08, 09, 10 e 15 com a participação das Escolas Estaduais Luiza Gomes Lemos e Américo Dias Pereira e dos cursos de Biologia, Química e Gestão Ambiental.
A Secretaria do Meio Ambiente agradece a todos que vieram pensar conosco o local onde moramos.

Baixe aqui a matéria completa, com todas as fotos

Prof. Ms. Simone Catarina Silva
Div. Ed. Ambiental SEMMA
(35) 3691-1102
simonecatsilva@hotmail.com

Salas Verdes de Ubatuba e Ilhabela promovem Circuito Tela Verde junto ao CEDS, em São Sebastião/SP


Carolina Garrido
carolina@cedslitoralnorte.org.br
CEDS – Centro de Experimentação em Desenvolvimento Sustentável
Rua Três Bandeirantes, 116 Centro São Sebastião/SP – Brasil
55-12-38932043/38932063
www.cedslitoralnorte.org.br

Escola Estadual Prof. Maria Thetis Nunes - Aracajú-SE

Na EMEF PRofª Maria Thetis Nunes em Aracaju/Sergipe, a segunda instituição inscrita pela Profª Eneida, teve a abertura do Circuito Tela Verde no dia 09/06, às 19horas, com exibição de dois curtas para alunos da escola e da comunidade em geral. Aconteceu no espaço cedido pela Igreja dos Capuchinhos e teve o apoio da SEMED.
A abertura foi feita pela Profª Eneida, seguida da exibição e logo após com debates conduzidos pela Profª Bióloga Daise.A equipe também é composta pelos professores Zilma, Ines e Flávio que discutiram e organizaram à Mostra do Circuito Tela Verde.
Registramos a presença do Superintendente do IBAMA/SErgipe, Sr. Manoel Rezende Neto, da médica veterinária Fabíola Ribeiro Batista da ADEMA, de Fabrício Ribeiro Batista, da ONG - SPBN -Sociedade de Proteção à Biodiversidade Nordestina), Anselmo, também da ADEMA, professores, familiares que acharam bastante positiva a iniciativa.
Daremos continuidade na Escola Thetis Nunes às exibições e aos debates.

Atenciosamente,

Profª Eneida Conceição e Silva.

Escola Estadual São Cristóvão - Aracajú/SE

A abertura do evento aconteceu no auditório da EE João Alves, em parceira com mais duas escolas: EE Manoel Luiz e Valnir Chagas, onde alunos de todas elas estavam presentes. Após a execução do Hino Nacional, houve a exibição de curtas, seguido de debate com profissionais ligados ao tema do Meio Ambiente. As escolas fe instituições foram oram recebidas pela diretora Célia Rejane e a Profª Eneida, responsável pela Mostra do Circuito Verde.Registramos a presença do Prof. Lício Valério Lima Vieira da SEMARH, da m´deica veterinária Fabíola Ribeiro Batista da ADEMA, Alexsandra Souza Santos, da DEA, Mércia Souza de Menezes, do DASE/DAGE, além de representantes da DESO e de demais órgãos do estado de Sergipe.
O debate aconteceu trazendo problemas ambientais vividos pela população de Aracaju como: invasões de áreas protegidas, coleta seletiva de lixo, lixões, poluição dos rios, degradação dos mangues, derrubada de vegetação nativa, atuação do poder público enquanto gestor, atuação dos cidadãos, e outros.
Encerramos às 11h. porém todos sentiram que a necessidade de discussão, cobrança e atuação individual se mostra urgente. Daremos continuidade durante todo o ano utilizando este e outros materiais de suporte.

Profª Eneida Conceição e Silva

Londrina/PR

A Sala Verde Peroba Rosa, em parceria com o Projeto “Estado, Empresa, Meio Ambiente e Sustentabilidade na Pós Modernidade”, coordenado pela Profa. Dra. Tânia Lobo Muniz, realizará nos dias 15 e 16 de junho o Circuito Tela Verde, Mostra de Cinema Sócioambiental composta por vídeos realizados pelos Ministérios do Meio Ambiente e da Cultura. A mostra acontecerá na Universidade Estadual de Londrina, no Centro de Eventos do CESA em dois horários: das 8:20 ao 12:00 e da 19:30 ás 22:30. Para maiores informações, ligar para Ana Karina 99439055 ou Luciana 88016334.

Luciana Aranda Barrozo
Vila Cultural AlmA Brasil
Sala Verde "Peroba Rosa"
Rua Mar del Plata, 93 - Vila Brasil Londrina, PR
(43) 33262672 - (43) 88016334

Rio Maria/PA

SUCESSO!
Em Rio Maria, entre os dias 30/05 e 06/06 o Circuito Tela Verde/CTV foi realizado pela ACARM com a parceria da Escola Estadual Senador Catete Pinheiro – nosso espaço exibidor, com o apoio da Rádio Comunitária Berokan FM na divulgação e cobertura do evento, e da Prefeitura Municipal de Xinguara (município visinho) que disponibilizou cerca de 200 mudas para serem doadas na campanha ambiental da ACARM: “Adote Uma Árvore”! O CTV contou ainda com a parceria do projeto pedagógico“APOENA” que significa Ver Adiante da Escola senador Catete Pinheiro.Maraica Gomes, Patrícia Lyon, Jael Sampaio e João Adré (Equipe da ACARM)

A exibição do Crcuito Tela Verde do Ministério do Meio Ambiente-MMA e a campanha "Adote uma árvore" promovida pela ACARM contou com participação efetiva dos estudantes da rede pública estadual e com a população em geral. Entre a exibição e a campanha com distribuição de 200 mudas contabilizamos a participação de 500 pessoas. Foram mediadores da exibição a Srª. Arandi Gomes dos Santos (Pedagoga e Matemática), o Sr. Manoel Alves Sampaio (Sociólogo) e o Sr. Jael Sampaio Mota (estudante de Gestão Ambiental).

Baixe aqui, a matéria completa com todas as fotos!

Atenciosamente,

Maraica Gomes dos Santos
Presidente da ACARM

Congonhas/MG

As exibições do Circuito serão de 16 a 19 de junho de 2009, na escola Municipal Fortunata de freitas Junqueira, a partir de 08:00 da Manhã.

Carlos Eustáquio Mendes

Circuito Tela Verde em Ouro Verde do Oeste/PR

Bom dia.

Em anexo, estamos enviando algumas fotos que foram tiradas durante o trabalho que estamos desenvolvendo com o Circuito Tela Verde.Trabalhamos de 01 à 05-06-09, nos períodos matutino, vespertino e notuno, envolvendo alunos das escolas municipais, estaduais com apresentação dos vídeos e após, fizemos comparações om a nossa realidade e conversamos com eles sobre a importância da preservação do Meio ambiente. No Centro Municipal de Educação Infantil, foi realizado o plantio de mudas de árvores no pátio do mesmo pelos monitores juntamente com as crianças. Também trabalhamos com outros setores da comunidade como os garis, os catadores de materiais recicláveis, alunos do EJA e Paraná Alfabelizado, essa em particular, foi uma experiência maravilhosa, professores e representantes de projetos de Educação Ambiental que estão sendo desenvolvidos em nosso município.
De uma maneira geral, a aceitação foi maravilhosa e estamos tendo que estender a nossa programação para poder estar atendendo a demanda que, para nossa surpresa foi maior que o esperado.

Sala Verde Recanto Ambiental
salaverde_ov@hotmail.com

quinta-feira, 11 de junho de 2009

SEMMAM/GEA Cultura - Vitória/ES

A partir das oficinas de Saskia Sá, Jefferson Albuquerque Junior e dos jovens mediadores do Cine Kbça e Centro de Referência da Juventude, Wanderson Mansur, Tatiany Volker Boldrini, Laíssa Gamaro, Leonardo Almenara e Flavilio da Silva Pereira fizemos um levantamento parcial das exibições e temos o seguinte resultado: de 02 a 10 de junho, 6 vídeos diferentes foram apresentados para 6 grupos, seguidos de roda de conversa, para 225 pessoas.

Seguimos com nosso projeto descentralizado até 25 de junho, dia da mesa redonda e depois os videos continuarão a ser usados em nossas atividades de educação ambiental.

Jefferson Albuquerque Jr.

Laissa e Tatiany

Saskia Sá


Em nome da equipe organizadora, Rosa Rasuck

quarta-feira, 10 de junho de 2009

terça-feira, 9 de junho de 2009

Circuito Tela Verde em Ilha Bela/SP

Dando continuidade as atividades programadas em comemoração ao Mês do Meio Ambiente no Município de Ilha Bela/SP, será exibida a mostra de cinema ambiental "Circuito Tela Verde" no Espaço "Estaleiro do Futuro", realizada pela ONG Elementos da Natureza - Sala Verde Ecoveleiro e Azimuth Preservação Oceânica.
Uma parceria inédita entre a Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura (SAv/MinC) e a Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental, por meio do Departamento de Educação Ambiental do Ministério do Meio Ambiente.
O Circuito Tela Verde é uma mostra que reúne 30 curtas metragens, realizados entre 2007 e 2008 pela Abaeté Estudos Socioambientais, por meio da Oficina de Cinema Humano Mar, com a participação de dez municípios da Bacia de Campos no Rio de Janeiro que têm sofrido os impactos da indústria do petróleo na região. Um total de 175 jovens participam das oficinas e da produção dos filmes, apresentados posteriormente em fóruns ambientais seguidos de debates com as populações locais. (www.circuitotelaverde.blogspot.com)
A inauguração da mostra em Ilha Belam acontecerá no dia 10 de Junho, com a presença de Fabio Melo representante do MMA..
Entrada Franca
DATAS
10/06 – Quarta Feira, 20h - INAUGURAÇÃO
24/06 – Quarta Feira, 20h - exibições
08/07 – Quarta Feira, 20h - exibições
22/07 – Quarta Feira, 20h - exibições
LOCAL Estaleiro do Futuro – AZIMUTH
Rua Dr. Carvalho 186 - Vila – Ilhabela/SP

Dia Mundial do Meio Ambiente - Circuito Tela Verde - Jardim Botânico do Rio de Janeiro/RJ

Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, o Jardim Botânico do Rio de Janeiro convidou os alunos do Colégio Estadual Ignácio Azevedo do Amaral para exibição de vídeos do Circuito Tela Verde, seguido de debates com a educadora Maria Teresa de Jesus Gouveia e equipe do Núcleo de Educação Ambiental do JBRJ.
Abs,

Manuela Rueda
Núcleo de Educação Ambiental
Jardim Botânico do Rio de Janeiro

EMEF Profª Maria Thetis Nunes - Aracaju/SE

Boa noite,
A programação da Semana do Meio Ambiente da EMEF Profª Maria Thetis Nunes, na cidade de Aracaju/ Sergipe começa amanhã, dia 09/06 com a exibição de curtas e logo após acontecerá o debate com profissionais de diversos órgãos ligados à Cultura e ao Meio Ambiente, que confirmaram presença. ENDAGRO, DESO, Secretaria do Meio Ambiente, dentre outras além de professores e alunos de escolas da comunidade, tanto estaduais como municipais.
Local: Salão Maior, da Igreja dos Capuchinhos, no Bairro América, início previsto para as 18h30 min.
PROGRAMAÇÃO:
Tema: BICHO-HOMEM
Data: 09/06/09 - 18H30 -Igreja dos Capuchinhos
Abertura da 1ª Mostra do Circuito Tela Verde
Tema: LAVANDO O QUE ESTÁ SUJO
Data: 10/06/09 - Escola Thetis Nunes -manhã / tarde/noite
Tema: A Natureza é vida, não a sangre
Data:12/06/09 -Escola Thetis Nunes - manhã / tarde/noite
Tema: Quer viver no lixo, Bicho?
Data: 15/06/09 -Escola Thetis Nunes - manhã/tarde/noite
Tema: Turismo, Herói ou Vilão da Urbanização?
Data: 16/06/09 -Escola Thetis Nunes - manhã/tarde/noite

Acontecerão apresentações dos curtas em dias alternativos no período de 17/06 a 06/07 podendo acontecer nos 3 turnos, na Escola Thetis Nunes.

ESCOLA ESTADUAL SÃO CRISTÓVÃO
ABERTURA: 10/06/2009 - 8h30 min. - Auditório da Escola Estadual Gov. João Alves Filho
Exibição de 3 curtas e debate com profissionais das mais diversas insttuições convidados para o debate. Alunos, professores de 4 escolas públicas e particulares da 3ª série ao Ensino Médio.
Data: 15/06/09 - 2ºdia de exibição -Escola Estadual São Cristóvão -manhã e tarde
Data: 16/06/09 - 3º dia de exibição -Escoal Estadual São Cristóvão -manhã e tarde

Atenciosamente,

Profª Eneida Conceição e Silva